A Ordem dos Céus - A Última Lenda | Nova Saga de Janderson L. Lopes


Oi Oi amigos.
Tudo certo com vocês?

Se lembram do autor Janderson L. lopes? Ele é parceiro do blog e recentemente publiquei aqui a resenha de sua primeira obra juntamente com seu amigo André. L. S. Oliveira.

Se não conhece e está a fim... é só clicar na imagem abaixo (capa do livro) para ler a resenha.


Leu? Agora confira o que Janderson publicou em seu blog sobre essa nova saga:



"Queremos falar a vocês de uma nova saga intitulada "A Ordem dos Céus", cujo primeiro livro está em fase final de ilustração. A Ordem dos Céus - A Última Lenda será lançado em duas partes e contará com fantásticos desenhos de um brilhante ilustrador curitibano denominado João Paulo Bragato. Vocês podem conhecer um pouco mais do trabalho desse talentoso ilustrador em sua fanpage "Bragato Ilustra".





Bem, ao falar sobre o projeto literário ilustrado "A Ordem dos Céus" não temos como não falarmos um pouco de seu mundo. Parafraseando Star Wars, em um mundo muito, muito distante... temos o planeta de Lankt.


Lankt é um mundo abundante em magia e esta é regida por quatorze dhévans (divindades essenciais), também denominados de avatares-elementais, capazes de assumir formas físicas que se assemelham a poderosos e pujantes animais feitos integralmente da energia essencial de seus próprios elementos. Estes seres vivem entre a quinta e a sexta camada do Plano Etéreo, podendo ser evocados pelos poderosos sacerdotes da Ordem dos Céus, uma ordem de cavaleiros, magos e sacerdotes criada pela entidade mais poderosas de todo o universo, aqueles denominado de Auror, O Criador, encontrado apenas na sétima camada do etéreo, inacessível para qualquer outro ser.

Orbitado por duas luas, Cielo (a lua azul) e Poncil (a lua vermelha), Lankt orbita em torno de um sol vermelho, assim como dezenas de outros planetas. Nele vivem diversas raças das quais sete vieram a constituir grandes reinos. Lendas antigas falam de origens diversas para cada uma dessas raças, muitas das quais afirmam ter sua origem em planetas distantes, como a raça dos Woks, que afirmam terem viajado pelo espaço através de esferas-portais denominadas "Esferas de Oberon". Outras afirmam justamente o contrário, serem donas de toda a imensidão do planeta como os valentes e aguerridos Dracnarianos, descendentes humanóides dos extintos dragões-ancestrais. Se isso é verdade ou não, ninguém sabe, mas é nessa briguenta e guerreira raça que a nossa história começa. Na verdade, numa de suas vilas mais humildes, a Vila de Cabua, uma das várias vilas de mineradores e agricultores onde dracnarianos aleijados ou inutilizados para a batalha acabam sendo direcionados para continuar a contribuir com o desenvolvimento de sua pujante nação, o Reino de Soliws. É nessa pequena vila que encontramos Khallen Dracat, um pequeno dracnariano muito especial.


Com seus olhinhos azuis e marcas tribais, totalmente incomuns para sua raça, e infelizmente sem as enormes asas comuns aos grandes guerreiros de seu povo, Khallen Dracat, de quatro anos de idade, conquistará os nossos corações com sua determinação frente ao fatídico destino, descobrindo segredos escondidos sobre si mesmo e sobre sua verdadeira origem à medida que suas escolhas e as escolhas daqueles ao seu redor o levam a fazer novas e importantes amizades, como o pequenino beargion Tenma Bardwin, seu fiel amigos e criativo metalkin, capaz de inventar as mais diversas bugigangas para ajudar seu corajoso e sonhador amigo dracnariano.


Ao destino desses dois jovens aventureiros, somam-se o do gigante de pedra, madeira e metal, o bravalon conhecido como "Campeão de Dwali" e a bela ninfa Allani Twaifhn.


A trama contida em "A Última Lenda" apresenta ainda a história de um jovem casal de elfos, Tayron e Nayla, recém-empossados membros da Ordem dos Céus, que terão de lidar com o desejo de poder e as artimanhas de um poderoso cavaleiro do Clã do Trovão, denominado de Lorde Farzberg.



Em tempos distintos, com cerca de 300 anos de diferença, uma trama diferente se desenrola. Em paralelo ao destino desses aventureiros e do conflito amoroso entre esses guerreiros da Ordem dos Céus,o leitor conhecerá então o lendário guerreiro e último cavaleiro-elementar da Ordem dos Céus, o misterioso Crassus.


Enquanto em esses jovens seguem seu destino sem saber que um grande mal, aprisionado há mais de mil anos pelo primeiro rei de Kéladon, Khanne Kolgan, está prestes a despertar totalmente, Crassus e seus seguidos já vivem o mundo apocalíptico criado pelo despertar do Dranfhel, o Senhor das Trevas e deus das feras anfheis.

Assim, o livro "A Ordem dos Céus - A Última Lenda" convida o leitor a conhecer um fabuloso mundo que está prestes a ser destruído ao mesmo tempo em que revela a última esperança desse mesmo mundo desolado.

Conheça você também um pouco mais desse mundo e apaixone-se por esses adoráveis e complexos personagens que ganham vida através de mais de 50 fantásticas ilustrações, em preto e branco e coloridas."



O livro está previsto para dezembro desse ano (2016). Depois de ler Os Guardiões da humanidade - O legado do Falcão, é impossível não desejar esse e já a continuação da primeira saga. A escrita de Janderson é bastante envolvente e faz você literalmente VIAJAR. Vale muito a pena dar uma chance aos nacionais. 

Então é isso pessoal. Espero que tenham curtido a postagem e a novidade. 
Até a próxima.
Se cuidem.
Beijão ;*




Comentários

Postar um comentário

Mais Visitadas do mês

Desafios | Jalysson Waldorf - Parte 1

It - A Coisa | Crítica

Balançando a Raba 4.0

IMPORTANTE. LEIA!

Missão Fênix - A Outra Guerra | Resenha #93